Páginas

quinta-feira, 7 de março de 2013

Dia do filho único

Me recordo que assim que descobrimos a gravidez múltipla, eu conheci o programa da Kate Gosselin , (Jon & Kate + 8, na época), adorava o programa e não perdia um capítulo. Apesar da Kate ser amada por uns e odiada por muitos, através do programa pude filtrar muitas dicas comportamentais interessantes e a que mais me atraiu, foi vivenciar a experiência do "dia filho único", pelo simples fato de eu não saber o que é ter um filho de cada vez =).

Já faz um tempo que venho planejando esse dia com os meninos, mas os planos nunca davam certo, sempre aparecia algum imprevisto que nos privava dessa experiência. Porém, na semana passada, sem planejar nada, precisei levar o Gabriel para uma avaliação e não consegui voltar ao trabalho, então aproveitei o restinho da tarde para curtir meu fofuxo, afinal, "a ocasião é a nata do tempo"(William Hazlitt). Fomos ao médico, fizemos um pit-stop em uma Brigaderia e depois ao cinema assistir o Mar não está pra peixe 2.

Falando da experiência materna, posso dizer que foi estranho ter uma mão livre, Gabriel também estranhou não ter o irmão na cadeirinha ao lado, mas sorriu o tempo todo, o que me tranquilizava a cada 5 minutos, no geral curtimos muito, fomos exclusivos um ao outro. Uma experência totalmente válida, mas se me perguntarem se eu faria denovo, a resposta seria NÃO! É estranho explicar algo que foi bom, mas vc não quer Bis não é mesmo? Mas é isso, eu não consigo explicar, foi confuso, no futuro talvez eu tente denovo, mas por ora a resposta é não! Farei o mesmo com o Vinícius apenas para ser justa e tentar tirar a prova dos 9. Volto aqui pra contar o feito. Prometo!

Nosso passeio


PS: A gente se empolga toda pra levar o filho ao cinema a primeira vez, 
e no final o que ele mais gosta é do 
secador de mãos do banheiro.... 
Oh lord!!! 

Ju


Comentários
3 Comentários

3 comentários:

Desirée Tapajós disse...

Oi Júlia também já tive essa experiência de ficar só com uma das meninas, no início achei estranho também, mas ao contrário de você gostaria de ter esses momento mais vezes, pois achei bem legal, foi engraçado que uma das vez a neném no caso achou estranho ninguém está olhando para nós, ai começou a dar tchau para as pessoas, ai todo mundo achou super fofo e começaram a olhar para gente.

Tri-beijos Desirée
http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com/

Lu do Deninho disse...

kkkkkk.....
Ju o secador de mãos é o maximo vai !
rss
Imagino que a experiencia tenha sido boa, mas como curtir com um filho sabendo que o outro esta lá nos esperando né ?
Depois conta a prova dos 9 como foi !

bjuss

Myriam Scotti disse...

Deve ter sido muito estranho mesmo! Rsrsrsrsrsrsrsrs...mas acho que se encaixa naquela frase: Foi ruim, mas foi bom! Serviu pra vc ter certeza que pra vcs esse modelo não é bacana.
P.S: Ainda não levei o Dan pro cinema, mas, acho que já dá! Vou aguardar um filme bem legal pra irmos.
Bjs e bom fds!

Postar um comentário

Obrigada por sua visita!!!
Deixe seu comentário ou envie email para: julia.hipolito@gmail.com
(Aviso: propagandas/anúncios de vendas não serão publicados, sorry)

Seja bem vindo!

Este blog foi criado com a intenção de compartilhar as experiências de uma Mãe de Gêmeos de primeira viagem. Aproveitando o embalo para o acompanhamento da família e amigos nesta maratona!!!

Volte sempre ...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...